Ao teu lado no Autocarro (o pessoal que ouve a música em altifalante)

Tenho uma queixinha, hoje. E é sobre aquelas pessoas que fazem coisas incomodas nos autocarros, como por exemplo, aqueles jovens que ouvem a música assim bem loud, no seu aparelhómetro telefónico. Eu também possuo um telemóvel e sei que estas coisinhas eletrónicas vêm sempre acompanhadas de auriculares, nas caixinhas das respetivas compras. Por norma, as pessoas que cometem essa falta de respeito pública, têm sempre ar de quem não entende muito bem como as coisas funcionam. Mas carago, estamos em pleno século vinte e um. Toda a gente sabe o que são auriculares. E é que eles são mesmo necessários. Ninguém te de aturar as vossas músicas, sejam elas quais forem. Há sempre alguém que não gosta do que estão a ouvir. Fica muito bem usar auriculares. A sério, acreditem em mim nesta.

Para não falar daquelas pessoas que falam ao telemóvel muito alto, contam a vida toda, o que fizeram, o que vão fazer, o que comeram… para sabermos o que comeram, vamos aos vossos instagrams. E, como é obvio que não andamos a ver essas coisas, não queremos ouvi-las. Eu, que falo alto por natureza, não ando aí a importunar as pessoas com as minhas coisas nos autocarros. Por norma, os transportes vão sempre cheios. E fica mal alguns ocuparem o espaço público e infestarem-no com sonoridades menos belas.

Portanto, e sem mais demoras que eu tenho coisas belas para fazer e vim só dar uma atualizaçãozinha, digo: usem auscutadores. Ou evitem andar aí a dar uma de pretos com boomboxs na rua. Porque isso era uma moda engraçada, esta dos telemóveis a tocar  merdas em decibéis altos, não é assim tão bonito. É que nem é moda que se diga.

O respeito é uma coisa tão bonita e não me canso de escrever que vivemos em sociedade. Leiam, que ler é silencioso. Escrevam, ou oiçam música – com auriculares.

Assim, simples. E, caso queiram continuar a moda, deixo-vos aqui um som muita bacano, dos Dias de Raiva (https://www.youtube.com/watch?v=9gjprd3d58g). Esta podem ouvir em alto. Talvez aí ganhem vergonha na fucinheira, e baixem o volume, para que fique apenas no vosso espaço pessoal.

 

Kiss, C.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s